Vivências e convivências

Vivências e convivências

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

Poema da Paz (de Madre Teresa de Calcutá)

 

O dia mais belo? Hoje

A coisa mais fácil? Equivocar-se

O obstáculo maior? O medo

O erro maior? Abandonar-se

A raiz de todos os males? O egoísmo

A distração mais bela? O trabalho

A pior derrota? O desalento

Os melhores professores? As crianças

A primeira necessidade? Comunicar-se

O que mais faz feliz? Ser útil aos demais

O mistério maior? A morte

O pior defeito? O mau humor

A coisa mais perigosa? A mentira

O sentimento pior? O rancor

O presente mais belo? O perdão

O mais imprescindível? O lar

A estrada mais rápida? O caminho correto

A sensação mais grata? A paz interior

O resguardo mais eficaz? O sorriso

O melhor remédio? O otimismo


A maior satisfação? O dever cumprido

A força mais potente do mundo? A fé

As pessoas mais necessárias? Os pais

A coisa mais bela de todas? O amor.


 (de Madre Teresa de Calcutá)


Pequenos gestos, pequenas atitudes: quanta diferença fazem no ambiente de trabalho

  

Pequenas e singelas atitudes fazem a diferença na maneira como conduzimos nossas relações pessoais e interpessoais nos mais diversos espaços e ambientes.

Aspectos de postura e comportamento sempre foram primordiais para que cada um pudesse fazer e dar o seu melhor, dentro do que lhe é possível, na conquista de um lugar digno para se trabalhar, se aprimorar e desenvolver aptidões e relacionamentos sadios.

Daí a relevância de se conhecer e saber aplicar normas e regras de conduta para conviver e transitar com naturalidade, autoconfiança e desenvoltura nos mais diversos e diferentes ambientes que você tenha que frequentar por conta a exigência do mundo do trabalho contemporâneo. Não importa se são ambientes formais ou informais, presenciais ou remotos (à distância).

O que importa é que ao se relacionar com as pessoas prevaleçam suas atitudes de elegância, que são perceptíveis aos outros pela naturalidade e espontaneidade com que são tratados.

Ter conhecimento de normas e regras de conduta corporativa contribui para você desenvolver e aprimorar suas habilidades sociais no relacionamento interpessoal. De que forma? Ao (re)pensar, (re)criar e adotar hábitos, gestos, atitudes e comportamentos visando uma postura mais assertiva.

Para quê? Para você perceber, absorver e reagir às situações inusitadas (e às corriqueiras também) que envolvem as atividades diárias, com mais confiança, simplicidade e naturalidade. E, também, para incrementar e (re)posicionar de maneira mais assertiva sua postura profissional (se este for seu caso).

Assim, conhecer e praticar o protocolo que rege o convívio no espaço de trabalho gera benefícios imediatos:

Ø  torna a vida e a convivência em sociedade (no trabalho, em particular) mais cordial, civilizada e harmônica;

Ø  contribui no sentido de se criar uma convivência baseada no respeito mútuo;

Ø  contribui para cada um ter condições de fazer sua parte para transformar o ambiente de trabalho em um lugar melhor, mais harmônico, mais saudável;

Ø  constitui-se em vantagem competitiva para quem sabe como agir nas mais variadas situações do cotidiano e driblar situações inusitadas do/no ambiente de trabalho por intermédio de uma postura profissional adequada e digna de credibilidade;

Ø  habilidade social determinante para viver e conviver com quem pensa diferente.