Vivências e convivências

Vivências e convivências

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Almas perfumadas

O título deste post é em homenagem aos participantes do curso de Gestão de Rotinas da Secretaria, que ministrei na semana passada em Joaçaba (SC), sob a coordenação da Associação Industrial e Comercial do Oeste Catarinense (ACIOC).

Cabe-me agradecer o privilégio de ter tido no curso profissionais iluminados e interessados que fazem com que nós, professores, tenhamos nosso conhecimento transformado. Que fazem com que tenhamos palavras inspiradas para tratar de ações e convivências diárias, que nem sempre são motivadoras e geradoras de entusiasmo. E que, mesmo assim, persistem porque acreditam que vale a pena fazer sempre.....

E, hoje, uma dessas pessoas iluminadas me enviou por e-mail o seguinte texto, que quero compartilhar com vocês.

"Almas perfumadas

Almas perfumadas são aquelas que chegam ao Trono do Altíssimo como incenso agradável.
Tem gente que tem cheiro de passarinho quando canta. De flor quando ri.
Ao lado delas, a gente se sente no balanço de uma rede que dança gostoso numa tarde grande, sem relógios e sem agenda.
O tempo é outro. E a vida fica com a cara que ela tem de verdade, mas que a gente desaprende de ver.
Tem gente que tem cheiro de colo de Deus. Ao lado delas a gente sabe que os anjos existem e que alguns são invisíveis.
Ao lado delas pode ser abril, mas parece manhã de Natal.
Tem gente que tem cheiro das estrelas que Deus acendeu no céu. Ao lado delas, a gente não acha que o amor é possível, tem certeza. A gente se sente visitando um lugar feito de alegria, saboreando a delícia do toque suave que sua presença sopra no coração.
Tem gente que tem cheiro de cafuné sem pressa. Do acalanto que o silêncio canta. De passeio no jardim.
Ao lado delas, a gente se lembra que no instante em que rimos Deus está conosco, juntinho ao nosso lado. E a gente ri grande, que nem menino arteiro.
Descobri que posso ser assim se deixar o amor de Cristo se manifestar em mim.
Que nossas almas possam ter o cheiro do Espírito de Deus,bom suave e agradável."

(Autor desconhecido)



Um comentário: