Vivências e convivências

Vivências e convivências

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

Pronunciamentos e discursos

 

§  A ordem de pronunciamentos e discursos é inversa à precedência dos respectivos oradores. A autoridade de menor hierarquia faz uso da palavra em primeiro, e assim por diante, cabendo à autoridade mais graduada encerrar a solenidade.

§  Os pronunciamentos são mais breves do que os discursos. É o momento das autoridades dizerem o objetivo de sua fala, darem seu recado.

§  Os discursos são mais longos, transmitem ideias, filosofias de governo, projetos. Têm o objetivo de conquistar, convencer e captar a plateia.

§  O número de oradores deve ser fixado em, no máximo, três ou quatro. Determinar  com eles o tempo de sua fala. O ideal é que os discursos não ultrapassem 20 minutos e os pronunciamentos, na abertura de eventos, entre 5 e 10 minutos.

§  Se o Mestre de Cerimônia fez a saudação e menção dos nomes e cargos das autoridades presentes ou representadas, os oradores não devem repeti-los.

§  O orador pode falar da mesa ou da tribuna, sentado ou em pé, ficando a seu critério.

§  Em almoços e jantares, os pronunciamentos são feitos após a sobremesa, bem como os brindes.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário