Vivências e convivências

Vivências e convivências

sábado, 6 de março de 2010

ÀS MULHERES....

A vocês, mulheres,
flores e fonte da eterna primavera,
bem vindas.
Sejam bem-vindas a este mundo
que construímos.
Parabéns pelos novos caminhos.
Cuidado com as antigas trilhas.
Vocês chegam não como um fato,
como uma antropologia
a mais da história do mundo.
Vocês chegam
para o complemento.
Vocês conquistaram
a posição que merecem.

Vocês estão aí para a correção.
Vocês adentram a reconstrução
porque nós homens cartesianos,
com orgulho, já fizemos muito.
Quantos erros,
quantos acertos.
Com estes continuemos.
Com nossos desvios, cuidado!
Porque muitas vezes
somos pilotos
de máquinas registradoras.
Maximizamos o lucro financeiro,
minimizamos a realização pessoal.

Usamos e abusamos
do cérebro esquerdo.
Racionalizamos a emoção.
Matematizamos o coração.
Tornamos o país e a vida
em um fluxo de caixa.
Isso não é tudo,
aliás talvez não seja quase nada.
É hora de mudar.
Graças a Deus, vocês chegam.
Mas, pelo amor de Deus,
cheguem para a soma,
jamais para o confronto.
Eu proponho
nos dar um perdão.
Amplo, geral e irrestrito.

Reconheço que construímos,
aliás com brilhantismo,
a sociedade da riqueza.
Desenvolvemos o QI,
fomos “machos pra valer”.
Perdoem nossos erros.
Vamos nos juntar
um com o outro.
Um respeitando o outro,
nos entendendo.
Somos o côncavo e o convexo
da nossa parceria.
Apenas um pedido:
não sejam homens de batom.
Cérebro esquerdo de cabelos
longos, vozes finas autoritárias.

(Autor: Marco Aurélio Vianna)

Um comentário:

  1. Muito Perfeito teu blog Professora...
    E parabéns pelo dia das mulheres, e obrigada pela homenagem...
    Prometo dar uma passadinha por semana por aquii...
    Beijão...

    ResponderExcluir