Vivências e convivências

Vivências e convivências

sexta-feira, 5 de março de 2010

Some telephone expressions

- Não, não, não! A linha não caiu. É que te deu um branco e você acabou desligando? Não é mesmo?
- Sim. Uma sensação de completa apatia toma conta de alguém em início de carreira ao atender uma chamada e do outro lado da linha ouvir: Good morning, may I......

É uma situação comum. Logo, logo você atenderá com muita naturalidade. Também passei por isso. A falta de prática causa o tradicional “branco” e nem sequer cumprimentar o interlocutor conseguimos.

Para ajudar a dirimir esta aflição, quando iniciei minha vida profissional como bilíngue, elaborei uma lista com as expressões mais corriqueiras que usamos em inglês no atendimento telefônico. Esta lista ficava afixada no caderno da secretária que eu usava, ou no risque-rabisque. O importante é que ela estava sempre à minha vista quando recebia uma chamada internacional.

Compartilho-a com você agora.

Can I/May I speak to Margaret, please?
Who’s calling please? (or) Could you give your name please?
It’s been nice to talking with you, Ms. Wagner.
Good-bye (and not “bye-bye”)
Good morning, Bem Viver, Maria speaking.
Espaço Viver, Emily. May I help you?
Mr. Silveira´s office, Eliane speaking.
May I ask who’s calling, please?
May I tell Mr. Costa who’s calling, please?
Is it convenient to hold or would you prefer to call back?
May I put you on hold? (or) Can I put you on hold?
May I put you on hold while I see if I can interrupt her?
Thank you for holding, Mr. Wamser.
Ms. Silveira is out of office. I expect her back after 3:30. I’m her administrative assistant and work very closely with her. May I help you?
Mr. Costa is in a staff meeting. Do you want me to interrupt him?
I thing you’ve got the wrong number.
Could you speak more slowly, please?
You’re welcome.

Incremente esta lista de acordo com suas necessidades e especificidades.
Sucesso e calma ao atender a próxima chamada internacional!

Nenhum comentário:

Postar um comentário